Conheça a região

Centro Histórico

Tombado pelo CONDEPHAAT (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico), o Centro Histórico de Cananeia possui lindos casarios, que preservam os estilos arquittônicos adotados pelas primeiras casa desde o período colonial até o século XIX e a encantadora Avenida Beira Mar, com seu canal de águas calmas e barquinhos coloridos, que mais parecem uma pintura.

Igreja São João Batista – Também tombada pelo CONDEPHAAT, a Igreja Matriz São João Batista, antes uma capela, foi construída pelos jesuítas em meados do século XVI. No interior e ao lado, na Praça Martim Afonso, eram realizados sepultamentos, dependendo da condição social do morto. Ainda na praça, encontra-se o obelisco e dois canhões, remanescentes do Pontal da Trincheira.

Museu Histórico e Artístico Victor Sadowski – O Museu de Cananeia é composto por objetos históricos, quadros a óleo de artistas locais, utensílios caiçaras, armas da coroa portuguesa, restos de sambaquis, elementos da vida marinha, painéis ilustrativos e o segundo maior tubarão capturado no mundo pesando 3,5 toneladas e 5,5 m de comprimento.
Valor da entrada R$ 5,00

Rua do Artesão – Localizada na Praça Theodolina Gomes, a Rua do Artesão possui diversos quiosques em alvenaria, que expressam através dos objetos de decoração, artesanatos e culinária, a diversidade da cultura caiçara.
Dica: Os horários de funcionamento de cada quiosque são determinados pelo próprio artesão.

Mercado Municipal – Localizado no Morro São João, o Mercado Municipal possui diversos boxes para venda de peixes e frutos do mar frescos e congelados da região, tais como: tainha, pescada branca e amarela, linguado, sororoca, camarão, etc …

Porto Cubatão – Localizado na área continental de Cananeia, o Bairro do Porto Cubatão nasceu pela demanda do transporte de minérios vindos por terra da antiga Mineradora Serrana, atualmente Vale do Rio Doce, com sede em Cajati. Conta com vários restaurantes e marinas, fazendo do bairro um importante polo turístico baseado na pesca esportiva. No feriado de 7 de Setembro são realizados o Torneio de Pesca e a Festa do Pescador, ambos tradicionais de Cananeia.

Cananéia

Aldeia Indígena Takuari-TY – Das três aldeias existentes em Cananeia, a Aldeia Indígena Takuari-TY, localizada no bairro do Acaraú, é a única que recebe visitações. Em sua oca principal se realizam apresentações de danças e cantos indígenas e venda de artesanatos.
Dica: É necessário marcar horário no tel:13 99776-7478, é cobrado uma taxa de R$ 15,00 por pessoa. Levar repelente.

Cachoeira do Pitú – Está localizada na Comunidade do Rio Branco, km 11 da estrada velha de Jacupiranga. Possui banheiros e lugar para fazer uma refeição rápida. Dicas: levar alimentação, repelente e filtro solar, grau de dificuldade leve, taxa de visitação em torno de R$ 10,00.

Cachoeira do Mandira – Localizada no km 13 da estrada do Itapitangui/Ariri. É uma linda cachoeira, com 2 piscinas naturais e várias corredeiras. Fica próxima à Comunidade Quilombola do Mandira, Resex – Reserva extrativista de Ostra e da Casa de Pedra, ruína de um antigo moinho de arroz. Na região existem alguns restaurantes caseiros qe servem deliciosos pratos à base de ostras, peixe e muito mais. Dica: Ir de tênis, levar repelente e filtro solar, grau de dificuldade médio e não é cobrado taxa de visitação.

Cachoeira do Rio das Minas – Localizada na área do Parque Estadual do Lagamar e aproximadamente 8 km da Cachoeira do Mandira. Após a entrada do sítio, de propriedade particular, é necessário andar uns 300 metros e passar pelo leito do rio (por cima das pedras) para chegar até a cachoeira. Servem-se refeições no local. Dica: Ir de tênis, levar repelente e filtro solar, grau de dificuldade médio, taxa de visitação em torno de R$ 10,00

Ilha Comprida

Ilha do Cardoso

Mais informações, acesse: roteirosturisticos/

Como chegar: [my_waze]

Fotos by RicardoGhion

pousadacananeia-44

 

Theme by HermesThemes

Copyright © 2019 A Pousadinha. All Rights Reserved